18 de mai de 2011

Eu estou começando a ficar de saco cheio.
É, já ta tudo muito repetitivo, tudo muito igualzinho.
Nada mais tem emoção, aliás, tem sim, a sensação de ser uma loser é cada vez pior.
Sei lá, acho que eu to precisando mudar.
Uma experiência extra corpórea quem sabe.
Tudo bem, não sejamos tão radicais.
Mas que é mister que algo aconteça, isso é.
Pra me tirar dessa merda.
O pior é que a idéia de que tudo isso é culpa minha mesmo não sai da minha cabeça.
Sim, mas que culpa tenho eu de ser assim?
Ta certo, ta certo.
Eu sei que desculpa de aleijado é muleta, mas me diga se eu não tenho razão: eu já to tão a acostumado a ser eu mesmo que fica difícil ser outra coisa.
Ai, ai.era bom quando eu tinha 3 anos de idade e as minhas únicas procupações eram não perder o horário dos Bozo e decidir qual seria a próxima brincadeira.
É, mais isso foi a muito tempo atrás e agora...
Bom e agora?

Um comentário:

Uljota disse...

Caramba! gostei do texto (se não nem comentaria) e eu costumo pensar como vc - "se vc está triste a culpa é sua", afinal de contas, o fácil é colocar a culpa nos outros.
Você se sentindo uma "loser" (da-lhe influência americana) me deixou esquisito: é um sentimento que nos leva a fazer merdas que nos levam a nos sentir mais "losers" (minha opinião, claro).
Vou soltar a pontinha de uma teoria que sigo: será que não seria interessante escutar os inimigos? as pessoas que lhe falam seus erros te ajudam a mudar, a corrigi-los, não? Bem, digo isto pq vc perguntou sobre "como posso mudar?". Bem, não fique irritada com os críticos, mas primeiro pense na origem da crítica (assim tento pensar). Bj pra ti e boa jornada!